Pedido do Sport para anular gol do Palmeiras foi arquivado por falta de provas.

O Sport havia pedido a anulação do segundo gol do Palmeiras na partida que terminou 2 a 2 em São Paulo. No lance, o árbitro havia apitado um impedimento, mas depois deixou o jogo seguir e validou o gol do Palmeiras.

O Sport alegou ter ocorrido erro de direito e pediu a anulação do gol. O STJD, porém, não chegou a apreciar o pedido, arquivou o processo por falta de provas. Mesmo tendo as imagens e o áudio da televisão mostrando o lance.

“Essa decisão de arquivamento alegando falta de provas foi no mínimo singela. O STJD alega que o Sport não conseguiu uma confissão do árbitro. Mas a própria CBF posteriormente puniu o árbitro (foi afastado de forma preventiva). Esse foi um erro de repercussão nacional e internacional. O Sport vai apelar e recorrer da decisão”, destacou o vice-presidente jurídico do Sport, Eduardo Carvalho.

A decisão é mesmo curiosa. O que mais era necessário provar se a CBF admitiu o erro do árbitro e o puniu, e se o lance, reprisado milhares de vezes pelas emissoras de TV, está gravado? Com o fim do campeonato, não parecia haver muito interesse do próprio tribunal em julgar um caso tão polêmico. O melhor foi arquivar. O Sport pode recorrer, mas é improvável que algo mude.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: