Fórmula do Campeonato Pernambucano será mantida em 2011

Depois de três fórmulas diferentes em três anos, debaixo de muita polêmica, a FPF concordou em manter o sistema de 2010 para o próximo ano.

O Ministério Público de Pernambuco convocou a federação e os clubes que, ontem, assinaram um Termo de Ajustamento de Conduta para garantir a repetição da fórmula no ano que vem. Assim, o MP garante a aplicação do Estatuto do Torcedor, que determina a manutenção dos regulamentos por, no mínimo, dois anos antes de uma mudança. Regra que foi descumprida nos últimos anos sob os mais diversos argumentos.

Caso não cumpra o ajustado, a FPF pagará uma multa de R$ 600 mil.

O MP preferiu não intervir nos anos anteriores, deixando a federação mudar à vontade o campeonato, apesar do que determina a lei. Mas, agora, para prevenir novas polêmicas, o órgão impõe aos responsáveis que respeitem a lei e mantenham o campeonato como está.

Na minha opinião, a atitutde foi acertada, pois impedirá novas polêmicas. Gosto da fórmula que será usada este ano, mas discordo da quantidade de clubes que disputam o campeonato. A competição está muito longa, inicia cedo demais e acaba já em cima do campeonato nacional. É preciso diminuir o número de clubes, algo que só será possível em 2013, pois só em 2012 o regulamento poderá ser alterado para aumentar o número de rebaixados.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: