Fazendo o caminho de volta.

Nas últimas temporadas, um fato vem chamando atenção, o fluxo de jogadores fazendo o caminho de volta para o Brasil. Cada atleta tem seus motivos, mas alguns parecem comuns a todos, principalmente a falta de espaço nos clubes europeus, a saudade do Brasil e a possibilidade de se destacarem em casa e até voltarem à Seleção Brasileira.

Ronaldo não foi pioneiro, mas se tornou exemplo para outros que estão fora do país. Exemplo de que é possível voltar para casa, jogar, brilhar em campo e ainda receber um salário bastante interessante. É bom ressaltar que, principalmente para aqueles que já conquistaram fortunas, jogar no Brasil não é nenhum prejuízo, afinal, nenhum dos grandes astros recebe menos de 250 ou 300 mil reais por mês.

Adriano teve sua volta ao Brasil mais relacionada à saudade de casa e à dificuldade de adaptação na Itália. O atleta é exemplo de que jogadores diferenciados que disputam por posição nos grandes clubes europeus brilham fácil aqui no Brasil. O atleta foi destaque do Campeonato Brasileiro.

Roberto Carlos, por sua vez, já é bem mais “veterano” que os demais e a volta ao Brasil acontece depois de temporadas esquecido na Turquia. O lateral deve ficar por aqui até o fim da carreira e com certeza não voltou pensando em fortuna, nem tanto em voltar para a seleção, mas apenas na tranquilidade de estar em casa e a qualidade de vida de quem ganha bem no Brasil.

Fred voltou para buscar espaço, depois das lesões e das poucas chance que estava tendo na França, o artilheiro voltou ao Brasil para jogar futebol, voltou pela chance de ser titular e tentar voltar a ser o goleador que sempre foi.

Robinho, amargando um banco de reservas absoluto no Manchester City e diante da forte cobrança sobre quem chegou ao clube para ser astro, está fazendo de tudo para voltar ao Santos. Robinho sabe que está distante daquele jogador que todos imaginavam que ele seria e a solução para o problema pode ser exatamente esse retorno ao Brasil. No Santos Robinho será titular absoluto, ídolo e estrela.

Uma notícia que surpreendeu foi a possibilidade de Anderson, hoje no Manchester United, ex-jogador do Grêmio e com passagem pelo Porto de Portugal, retornar ao Brasil. Amargando a reserva no clube inglês, o atleta está sumido do clube há alguns dias e foi visto conversando com dirigentes do Vasco da Gama. O atleta não confirma a possibilidade de jogar no Rio de Janeiro, mas diante de tantos casos, não parece impossível.

Pois é, sair do Brasil e atuar na Europa é o sonho de todos os jogadores, não só pelos salários astronômicos, mas pela chance de disputar os melhores campeonatos do mundo. Mas, pelo visto, outro sonho dos jogadores é voltar para casa, brilhar diante da torcida brasileira, continuar ganhando fortunas e ainda ser a estrela de um time.

O mundo do futebol gira mais rápido do que a gente imagina.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: